Espeleólogo fica ferido em mais de 500 metros de altura, em uma gruta do Parque Nacional Cavernas do Peruaçu

O Corpo de Bombeiros Militar de Januária foi acionado para um resgate de um homem de 40 anos, que ficou ferido após ser atingido por uma rocha em uma gruta do Parque Nacional Cavernas do Peruaçu, à 38km da cidade.

A ocorrência foi na tarde dessa segunda-feira (26). Segundo os Bombeiros, um grupo de espeleólogos estavam na gruta em um plano de inclinação com cerca de 570m de altura da base do morro, quando uma das placas rochosas soltou e atingiu um dos membros da equipe.

O local era de difícil acesso, foi preciso montar um Sistema de Comando de Operações para o resgate da vítima, composta por cinco Bombeiros Militares e 14 espeleólogos voluntários. Os militares conseguiram resgatar o homem que estava consciente e orientado, mas sofreu uma fratura exposta na perna direita, ferimento profundo na perna esquerda e um corte no queixo.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, para o homem ser removido, primeiro foi preciso imobiliza-lo, estancar os sangramentos e estabilizar as fraturas. Ele foi transportado por uma ambulância do SAMU ao Hospital municipal de Januária. O tempo do resgate durou cinco horas.

Espeleólogo, o que é

Espeleologia é a ciência esporte que se preocupa com o estudo e a exploração das cavidades naturais subterrâneas. Pode se dizer, portando, que o espeleólogo é aquele que explora, documenta, estuda e interessa-se pela conservação e preservação das cavernas.

Por: João Victor Queiroz // Fotos: Ascom/ 7°BBM

Comentários

Mais do Educadora FM