Montes Claros é destaque na geração de empregos em Minas Gerais em abril, aponta CAGED

Acabam de ser divulgados, pelo Ministério da Economia, os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) relativos ao mês de abril de 2021. No estudo, é possível identificar o bom momento que Montes Claros vive na geração de empregos.

Os números referentes a abril identificaram dados positivos em relação à criação de postos de trabalho, em Montes Claros. Foram 2.815 trabalhadores contratados com carteira assinada, e com todos os direitos trabalhistas assegurados, e 2.312 demitidos, o que proporcionou um saldo de 503 vagas. Já no acumulado do ano (com ajustes), os números de Montes Claros são os seguintes: 11.824 contratações e 10.278 demissões, o que corresponde a um saldo de 1.546 postos de trabalho.

Mesmo com o quadro social e econômico criado pela pandemia de Covid-19, que afetou todos os municípios brasileiros, os números de Montes Claros do mês de abril se destacam se comparados com as outras nove cidades com maior população no estado de Minas Gerais.

Belo Horizonte obteve a melhor posição, com saldo de 3.125 vagas, em abril. Os outros municípios mais populosos do estado, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, apresentaram os seguintes números: Contagem (617), Ribeirão das Neves (saldo de 193 vagas), Ipatinga (171), Juiz de Fora (20), Betim (déficit de 83 postos de trabalho), Uberlândia (-90), Uberaba (-199) e Governador Valadares (-537).

Se compararmos o saldo de vagas de abril com os dados de todos os outros 852 municípios mineiros, vemos Montes Claros no seleto grupo das únicas seis cidades que superaram as 500 vagas de saldo no estado e que é composto por: Belo Horizonte (3.125), Paracatu (1.565), Contagem (617), Patos de Minas (604), Nova Lima (530) e Montes Claros (503).

Comentários

Mais do Educadora FM