Geociências recebe a família do professor Milton Santos em evento online

O filho Rafael e a neta Nina vão contar as suas vivências com um dos maiores pesquisadores brasileiros

“Milton Vive – O homem por trás do pesquisador”. Este é o tema da Roda de Conversa que acontece na segunda-feira (3), às 19h30min, pelo Canal GeoLives Unimontes. Neste dia, o geógrafo Milton Santos completaria 95 anos. Em tempos pandêmicos, quando todos estão voltados para suas famílias, o Departamento de Geociências da Unimontes (Universidade Estadual de Montes Claros) ascendeu ao pensamento do homem que esteve por trás do pesquisador. Desta maneira, os professores, acadêmicos e mestrandos recebem o Rafael e a Nina Santos, filho e neta de Milton Santos para contar um pouco da história de um dos maiores Geógrafos de todos os tempos.

Em quais contextos concebeu-se a obra miltoniana? Como foi o pai, o avô Milton Santos?

Quais as influências intelectuais na vida e obra de seu filho e da neta? São questionamentos que povoam os pensamentos de grande parte dos estudiosos da sua obra. A expectativa da organização é ampliar a compreensão e o debate em torno dos conceitos e teorias desenvolvidos por ele e que se aplicam em diversas áreas da ciência.

A Roda de Conversa Milton Vive terá a abertura do professor e pesquisador Anderson Bertholi, chefe do Departamento de Geociências, com mediação da Cibele Bertholi jornalista e mestranda pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia (PPGEOUnimontes). A live é aberta ao público e contará com certificação. Para receber o comprovante é necessário assinar a lista de presença no momento do evento.

Vida

Em 2021 marca-se os 20 anos da morte de Milton Santos que foi um reconhecido geógrafo, professor e intelectual negro brasileiro. Natural de Brotas do Macaúba, Bahia, foi alfabetizado em casa, ensinou Geografia aos colegas quando adolescente, graduou-se em direito e obteve o título de doutor em Geografia pela Universidade de Estrasburgo, na França.

Pensamento

O geógrafo foi responsável por repensar a maneira como o ser humano se relaciona, via no território um elemento fundamental para refletir sobre a vida social e política. Além disso, foi um ferrenho opositor ao conceito de globalização e de como sua prática se instalou no mundo, segundo ele, gerando mais e mais desigualdade.

Assim, defendia uma nova forma de organização social, em que as populações periféricas tivessem maior autonomia e poder de decisão. Santos foi o único brasileiro a receber o Prêmio Internacional de Geografia Vautrin Lud, em 1994. A homenagem é de extrema importância, sendo equivalente a um Prêmio Nobel de Geografia.

Obra

Milton Santos teve uma carreira muito produtiva, dedicou-se a mais de 40 publicações literárias, traduzidas em inglês, espanhol, japonês e francês. Dentre seus livros mais importantes, podemos destacar os títulos:

•          O Centro da Cidade de Salvador (1959)

•          A Cidade nos Países Subdesenvolvidos (1965)

•          O Espaço Dividido (1978)

•          Pobreza urbana (1978)

•          Espaço e Sociedade (1979)

•          Ensaios sobre a urbanização latino-americana (1982)

•          Espaço e Método (1985)

•          A Urbanização Brasileira (1993)

•          Por uma outra Globalização: Do pensamento único à consciência universal (2000)

Serviço

O que: Roda de Conversa Milton Vive

Quando: Dia 03 de maio – segunda-feira, às 19h30min pelo Canal Geo Lives Unimontes.

Link: bit.ly/MiltonVive

Saiba mais: miltonsantos.com.br/site/

Por: Cibele Bertholi

Comentários

Mais do Educadora FM