PROCURADOR GERAL PROPÕE DIÁLOGO DOS PREFEITOS COM O MINISTÉRIO PUBLICO PARA SOLUÇÃO DE DEMANDAS

O novo procurador geral de Justiça de Minas Gerais, Jarbas Soares Junior, propôs o dialogo entre os prefeitos e o Ministério Público para resolver as demandas geradas pela comunidade. Ele toma posse oficial nessa sexta-feira e veio a Montes Claros participar do Seminário de Novos Gestores do Norte de Minas, realizado pela Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene. Na abertura do evento, o presidente da AMAMS, Lara Batista Cordeiro, prefeito de Ibiai, pediu a união da classe política para viabilizar projetos do Norte de Minas, como as barragens de Berizal, Congonhas e Jequitai, como forma de acabar com medidas paliativas para enfrentamento da estiagem e seca. Pediu ainda a duplicação da BR 251 e a implantação do Polo Minerário com a Sul Americana de Metais.

O secretário-executivo Ronaldo Soares Mota Dias mostrou a atuação da AMAMS em defesa dos municípios, pois conta com Departamentos Técnicos para ajudar os prefeitos em diversas ações. Neiva de Jesus explicitou o caso especifico da Educação, diante do risco de inicio das aulas. O presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi reforçou a importância de fortalecimento do municipalismo e lembrou que isso permitiu assegurar vários benefícios para as Prefeituras e em conseqüência para a população, como a cota extra do Fundo de Participação e o novo modelo do Imposto Sobre Serviços.

O juiz Izaias Caldeira Brant abordou a questão da ética e citou os problemas enfrentados pelos prefeitos nessa época de Pandemia. O presidente da 11ª Subsecção da Ordem dos Advogados, André Crisostomo mostrou aos prefeitos a importância de como primeiro ato, nomear o procurador, que dará parecer sobre a legalidade dos atos e ações. Na sua palestra, o procurador geral Jarbas Soares Junior alertou aos prefeitos para sempre buscarem o dialogo com os promotores de Justiça, pois afirma que quem estica demais a corda, sempre enfrenta problemas. Anunciou que definiu o Norte de Minas como prioridade, pois dará melhores condições para as comarcas e para os promotores prestarem seu serviço.

Foto: Divulgação

Comentários

Mais do Educadora FM