Sebrae Minas cria e-book com orientações para a retomada do comércio varejista

Com a flexibilização do comércio em várias cidades do estado, o Sebrae Minas criou o e-book Orientações e boas práticas: retomada segura do varejo em Minas Gerais para orientar os pequenos negócios na retomada de suas atividades. O material é gratuito e já está disponível no site www.atendimento.sebraemg.com.br .

O objetivo do e-book é orientar os empresários e empreendedores sobre medidas e protocolos de segurança para o retorno do funcionamento dos estabelecimentos em Minas Gerais, obedecendo todas as medidas necessárias contra a propagação do coronavírus (Covid-19).

No material são sugeridas dicas para o ambiente interno das lojas, como: sinalizações, higiene, organização de produtos e mobiliário. Há, ainda, recomendações importantes para os serviços de delivery. “Cada vez mais, o serviço de entregas fará parte da experiência de compra do cliente. Por isso, é fundamental que o entregador tenha os mesmos cuidados de higiene que os vendedores das lojas físicas”, explica a gerente do Sebrae Minas, Márcia Valéria.

O guia também aponta sugestões de comportamentos e hábitos que poderão ser incorporados na rotina dos funcionários, focando sempre na segurança do colaborar e no melhor atendimento do cliente.

Há ainda informações essenciais que poderão ser repassadas para o consumidor, facilitando sempre a compra. “O objetivo é fazer com que o atendimento seja rápido e eficiente, evitando que o cliente permaneça por muito tempo dentro do estabelecimento”, justifica a gerente do Sebrae Minas.

Além dessas dicas, o e-book antecipa alguns comportamentos que o consumidor poderá ter após meses de isolamento social, como por exemplo: a insegurança, o menor poder de compra, o consumo mais consciente e a maior aceitação para os canais de vendas digitais.

conteúdo do e-book é baseado nas diretrizes do Plano de Retomada “Minas Consciente”. Para obter mais informações sobre os protocolos por atividade econômica acesse: www.mg.gov.br/minasconsciente.

Comentários

Mais do Educadora FM