Assim como em agosto, CAGED volta a identificar recorde na geração de empregos em Montes Claros

Nessa terça-feira, 22, o Ministério da Economia divulgou os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) relativos ao mês de setembro. Em agosto, Montes Claros já havia obtido um saldo recorde nas contratações, se comparado com o mesmo mês desde 2015, com 2.949 contratações e 2.533 demissões, o que representou um saldo de 416 postos de trabalho.

Agora, o estudo identificou que, em setembro, as empresas instaladas em Montes Claros admitiram 2.633 trabalhadores e demitiram 2.262 (saldo de 371 vagas). Comparando-se com o mesmo período, desde 2014, os resultados foram animadores: em 2018, o saldo foi de 272 vagas, em 2017, 26, em 2016, 110, em 2015, déficit de 586 vagas, e, em 2014, sado de 125 postos de trabalho.

Ao mesmo tempo, os dados do CAGED relativos ao acumulado entre janeiro e setembro mostram que as empresas da maior cidade do Norte de Minas admitiram 23.252 empregados e demitiram 22.232, o que se traduziu em um saldo de 1.020 vagas. As ocupações com maiores saldos, em setembro, foram: operador de telemarketing ativo e receptivo (126), preparador de calçados (42), alimentador de linha de produção (39), recepcionista (24) e atendente de lanchonete (22).

 

Texto: Attilio Faggi // Fotos: Fábio Marçal

Comentários

Mais do Educadora FM

Lei Cultural Aldir Blanc

A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc estabelece um conjunto de ações para garantir uma renda emergencial para trabalhadores da Cultura e manutenção dos espaços

Ler Mais