Unimontes e empresários iniciam diálogo para parcerias em estágios, capacitações, marcas e patentes

Grupo de trabalho definirá diretrizes para cronogramas e campo de atuação 

A disposição e o compromisso da Universidade Estadual de Montes Claros em colocar o conhecimento gerado na graduação, pós-graduação e nas pesquisas como serviços efetivos para a comunidade passam a contar com importantes aliados a partir de agora.

Em reunião promovida pela gestão superior nesta sexta-feira (23/8), o setor empresarial e de serviços da cidade, representado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços (ACI), oficializou o interesse em ampliar as parcerias com a Universidade. Também participou a direção da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino Superior (Fadenor).

Dentre os pontos apresentados, está o aumento do campo de oferta de estágios remunerados para acadêmicos dos diversos cursos da Unimontes nas empresas e no comércio da cidade e investimentos privados em programas para o desenvolvimento de marcas, patentes e na incubação de novas empresas

Outra proposta está nas parcerias para a realização de projetos de iniciação esportiva e de orientação ao lazer para os funcionários de empresas filiadas às duas entidades, com o suporte de acadêmicos e professores. A oferta de capacitações também foi apresentada aos empresários.

CRIATIVIDADE

“A Unimontes é o reflexo do que acontece ao seu entorno. As pessoas, direta ou indiretamente, têm uma ligação com a instituição, seja como egresso, servidor, prestador de serviços ou com familiares que estão temporariamente ou são permanentes no ambiente acadêmico. O momento de restrições sugere que as escolhas sejam feitas de forma criativa e, por isso, planejamos nos aproximar ainda mais das entidades que acreditam na ideia de que o serviço público como um todo realmente funciona”, disse o reitor, Antonio Alvimar Souza, na abertura do encontro com os representantes classistas.

As apresentações das propostas foram conduzidas pelo pró-reitor de Extensão, professor Paulo Eduardo Gomes de Barros, sobre a oferta de estágios em áreas ainda pouco contempladas como humanas e sociais; pela coordenadora de Inovação Tecnológica, professora Sara Antunes de Souza, quanto ao desenvolvimento de marcas, patentes, softwares e criação de novas empresas (inclusive com relevância ambiental); e pelo diretor técnico da Fadenor, professor Roney Versiani Sindeaux, sobre a realização de capacitações e cursos a partir de convênios, contratos ou termos de colaboração tripartite,

Diretor do grupo Minas Brasil, rede de drogarias que conta com mais de 50 lojas e 1,2 mil funcionários no Norte de Minas, Linton Guedes considerou como “espetacular a oportunidade apresentada no encontro”. Manifestou o interesse de ser parceiro da Universidade nas diversas frentes de forma que possa ampliar “a responsabilidade social que a empresa tem”. Sugeriu, ainda, que a Unimontes faça coro à proposta dos empresários para a criação de uma lei que reverta os impostos da empresas, como o ICMS e o ISS, às causas de responsabilidade social.

Presidente da ACI Montes Claros, Newton Carlos Figueiredo ressaltou que a classe produtiva precisa assumir este compromisso de valorização do conhecimento, se aproximar da Universidade, apoiar e executar as propostas apresentadas.

Por sua vez, o presidente da CDL Montes Claros, Ernandes Ferreira da Silva, afirmou que os meios de produção evoluíram e os trabalhadores precisam da renovação do conhecimento e, diante deste cenário, é preciso aproximar a demanda do mercado com que a Unimontes oferece. “Temos um quadro de 1,8 mil empresas filiadas à CDL, mas a grande maioria não tem acesso aos mecanismos ou mesmo aos aspectos legais para colocar em prática esta renovação”, observou.

Também participaram do encontro o vice-diretor financeiro da CDL, Gilberto Eleutério dos Santos; o diretor de Assuntos de Micro e Pequenas Empresas da ACI, Ricardo Alencar; e os empresários Fabian Terence e Leandra Terence, além dos pró-reitores de Planejamento, Gestão e Finanças, Ensino, Extensão, Pesquisa e Pós-Graduação, diretores, chefes e assessores da Unimontes.

As tratativas terão sequência já na próxima semana, a partir da criação do grupo formado por representantes da Unimontes, Fadenor, ACI e CDL. Os representantes do chamado Sistema “S” também farão parte do trabalho.

 

Ascom :Unimontes

Comentários

Mais do Educadora FM